Melhores albuns – 2015/1 (parte 2)

Ah-há! Aqui vai a segunda parte dos melhores álbuns do ano (na minha opinião e até o momento). Dessa vez vou colocar alguns mais antigos que faltaram e uns que estão sendo mais lançamentos, sendo uns nem lançados no Brasil ainda – obrigado, internet. Quem não viu a parte 1, pode ver clicando aqui.

Imagine Dragons – Smoke+Mirrors

O que falar dessa banda maravilhosa que eu considero pakas? Todo mundo conhece Imagine Dragons, certo? O primeiro álbum deles já era maravilhoso e tinha músicas incríveis como It’s Time e Demons. Mas Smoke+Mirrors foi a outro patamar. Totalmente diferente das músicas, a banda conseguiu fazer algo que eu não esperava: me surpreender mais ainda e trazer músicas mais “diferentes” das convencionais, sendo uma melhor que a outra.

Nate Ruess – Grand Romantic

Pra quem não sabe, Nate Ruess é o vocalista da banda fun. (conhecida por músicas como We Are Young e Some Nights). Ele decidiu começar uma carreira solo, e levou um pouco do seu lado fun. junto, inclusive a música Harsh Lights, que havia sido apresentada como da banda num passado. O álbum é dividido em músicas mais animadas e músicas mais calmas. Achei as mais animadas bem melhores, mas o resto ficou ótimo também. Quem não conhece (tanto a banda quanto o Nate), vale a pena ouvir.

Mika – No Place in Heaven

Esse sim marcou a minha adolescência e me decepcionou com o último álbum. Mika sempre teve umas músicas com letras divertidas e gostosas de se ouvir – menos no álbum The Origin of Love, não consigo gostar. Agora, porém, ele voltou com ótimas músicas. Recém lançado, o álbum No Place in Heaven já tem algumas das minhas músicas favoritas de 2015.

Of Monsters and Men – Beneath the Skin

Finalmente Of Monsters and Men lançou seu segundo álbum! E Beneath the Skin está maravilhoso. O clima das músicas é o mesmo do álbum anterior, ou seja, está perfeito. Sinceramente, acho que algumas músicas faltou um pouco, poderiam ter ficado melhores – mas não ficaram ruins.

All Time Low – Future Hearts

Esse aqui é pra lembrar os meus 15 anos. Eu fiquei pensando “como pude esquecer All Time Low??” . Antigamente, eles faziam bem mais sucesso, tiveram algumas músicas bem conhecidas. Hoje, estão mais esquecidos, mas lançaram esse álbum maravilhoso cujas músicas me lembram a época que eu ouvia a banda. Quem gostava deles lá por 2010, dá uma conferida nesse álbum – tá valendo a pena.

(+Bônus) Hozier – Hozier

Mais uma vez um bônus de 2014 que não poderia ficar de fora. Ele até já cantou no Grammy e ficou conhecido com a música Take Me To Church. Mas ele tem outras músicas incríveis também. Ele tem um álbum incrível, na verdade. Não sei nem o que dizer sobre as músicas dele, só que eu recomendo muito e que são maravilhosas.

Gostaram das músicas? Se tiverem mais dicas de músicas, estou aceitando!

Anúncios

One thought on “Melhores albuns – 2015/1 (parte 2)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s